A advocacia é um segmento muito concorrido. O grande número de faculdades — que formam milhares de profissionais, todos os anos — contribui para essa situação. Diante desse cenário, é preciso saber como ser um bom advogado para se destacar entre os demais e continuar no caminho certo.

Para começar a traçar sua rota de sucesso, você pode adotar certas estratégias que trarão o tão esperado reconhecimento profissional. Neste post, vamos apresentar 4 dicas de como conquistar autoridade nessa área de atuação. Acompanhe a leitura!

1. Comunique-se bem com o cliente e com os colegas

A comunicação é o fator chave da advocacia. Profissionais autônomos ou que trabalham em grandes escritórios precisam estar se comunicando com frequência com clientes e com os seus sócios sobre os processos. Por isso, ter uma boa oratória e escrita é essencial.

Além disso, adote uma linguagem clara, objetiva e formal — e tenha a certeza de que você foi bem entendido. A maioria dos clientes não vai compreender os termos técnicos que você usar, portanto, deixe para usar palavras rebuscadas quando estiver com seus colegas de atuação ou quando for elaborar uma peça processual.

2. Mantenha-se atualizado e estude constantemente

Já pensou perder uma causa porque inseriu um pensamento desatualizado ou, então, uma lei que já foi revogada? É constrangedor, não?

O Direito é uma ciência que está se renovando o tempo todo. As situações e o mercado são elementos muito dinâmicos, e novas leis surgem a todo o momento. Além disso as teses doutrinárias e os entendimentos jurisprudenciais vão se modificando no decorrer dos anos.

Por isso, se você quer ser um profissional de referência, precisa estudar frequentemente. Invista em seminários, congressos, cursos de atualização e de capacitação para advogados do ramo.

3. Tenha um bom relacionamento com os clientes

Manter uma relação amigável e profissional ajuda a conquistar e fidelizar os seus clientes. Para isso, vá construindo um laço com eles e faça-os se sentirem valorizados.

Para isso, é fundamental entender as necessidades dos clientes, desenvolver estratégias de fidelização e se preocupar em oferecer um trabalho de qualidade — e que vai resolver os problemas levando em consideração as expectativas de cada um.

Só tome cuidado em como você vai fazer isso. Manter um bom relacionamento não significa fazer publicidade dos seus serviços a qualquer custo. Aliás, isso é proibido pelo Código de Ética.

4. Profissionalize o seu escritório

O escritório é a sua imagem profissional perante os clientes, funcionando como uma espécie de empresa. Dessa maneira, você deve cobrar honorários, emitir recibos ou faturas de pagamentos, ter um controle de todos os clientes, dentre outras funções.

Ou seja, organizar o escritório é uma tarefa essencial. Uma boa ideia é investir em softwares jurídicos, que ajudam a acompanhar processos, controlam a gestão financeira e automatizam as tarefas mais simples, otimizando, assim, o seu tempo.

Profissionais de sucesso sabem como ser um bom advogado e estão dispostos a inovar e correr riscos. O mercado é muito amplo e está aberto para novas ideias, desde que sejam feitas na conformidade da lei. Por isso, não tenha medo e ponha as nossas dicas em prática! Caso contrário, você pode perder a oportunidade de aumentar o seu escritório e perder muitos clientes.

O Direito é uma ciência que está em plena expansão. Por isso, é importante que você esteja por dentro do que é Advocacia 4.0 e como ela impacta a vida dos advogados.

Powered by Rock Convert